Vacina contra a gripe e covid-19? A imunização “dupla” obteve resultados positivos

A empresa norte-americana de biotecnologia Novavax anunciou nesta segunda-feira (10) que o estudo pré-clínico da vacina obteve resultados positivos, sendo que a vacina combina injeções para influenza e covid-19.

Vacina contra a gripe e covid-19? a imunização “dupla” obteve resultados positivos
Vacina contra a gripe e covid-19? a imunização “dupla” obteve resultados positivos  (AFP/AFP)

O projeto da Novavax

Novavax disse que um estudo revisado por pares mostrou que o nível de anticorpos para às duas doenças em furões e hamsters produzidos pela injeção era alto.

“Apesar da baixa incidência durante a pandemia covid-19, a gripe continua sendo um grande risco para a saúde pública globalmente, e a necessidade de vacinas universais e mais eficazes é tão importante como sempre, incluindo a luta contra a gripe”, disse o presidente.

A nova vacina combina as doses de NanoFlu e NVX-CoV2373, que foram encontradas separadamente no teste humano final. Nenhum deles foi aprovado ainda.

Amostras de pulmão retiradas de animais imunizados após o sacrifício mostraram que não continham COVID-19.

O produto candidato da vacina covid-19 da empresa NVX-CoV2373 mostrou 100% de proteção contra doenças graves em testes clínicos de Fase 3 conduzidos no Reino Unido, com uma taxa efetiva de 89,7% contra qualquer forma de doença.

Essa dose usa uma parte do vírus SARS-CoV-2, chamada de proteína “spike”, que a empresa produz em grandes quantidades nas células dos insetos.

Ele embala a ponta em uma nanopartícula e a envia ao sistema imunológico, que treina o corpo do receptor se o vírus real for encontrado.

Campanha de vacinação da gripe

 

A campanha de vacinação contra a gripe começou em 2021 no dia 12 de abril, sendo iniciado com crianças de 6 meses a 6 anos, gestantes e puérperas (mulheres em até 45 dias após o parto), indígenas e profissionais de saúde.

Em 11 de maio foi iniciado a etapa com idosos e professores.

E a partir de 9 de junho: integrantes das forças de segurança e resgate, pessoas com comorbidades, doenças especiais ou incapacidades permanentes, caminhoneiros, trabalhadores do transporte coletivo rodoviário, trabalhadores portuários, funcionários do sistema de privação de liberdade, população e sociedade privada de liberdade, adolescentes em medidas socioeducativas.

 

1 comentário
  1. […] para estabelecer um efeito protetor. Mesmo com a imunização completa, a alta disseminação do vírus brasileiro e poucas novas variantes têm sido estudadas, aumentando o risco de infecção, apesar da […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.