Dieta de Carnaval – Como se alimentar na maior festa do Brasil

Se divertir é sempre bom, principalmente quando se tem um feriadão como o do Carnaval. O problema é esquecer as regras básicas de alimentação e comprometer a saúde bem no meio da folia. É para isso que existe a dieta de carnaval.

O que não deve entrar no cardápio da dieta de Carnaval?

Deve-se evitar o álcool, pois além de causar danos à saúde, as bebidas alcoólicas são bastante calóricas e prejudicam a sua dieta.

Por exemplo: 1 lata de cerveja (350ml) tem 147 calorias enquanto uma dose de uísque (50 ml) tem 120 calorias e um copo de caipirinha (200ml) tem aproximadamente 250 kcal.

Dieta de Carnaval

Deve-se evitar alimentos ricos em gordura, pois além de serem hipercalóricos, normalmente são preparações pesadas, de difícil digestão, e não fornecem o tipo de energia usada pelo corpo para aguentar o pique do carnaval.

E quais alimentos não podem faltar?

Frutas e verduras. Eles fornecem vitaminas e minerais essenciais para a saúde da pele, cabelos, auxiliam no funcionamento do intestino, são pouco calóricos e ajudam a manter a forma.

Água é mais que importante. Manter-se hidratado é essencial para o organismo, principalmente no verão e no carnaval, em que o ritmo é bastante acelerado. Carboidratos para garantir a energia para conseguir aguentar as longas horas de farra.

Caso alguém caia na folia e sinta tontura ou enjôo, como proceder? Pode ser falta de comida ou bebida?

Sempre que surgirem sintomas como tontura, enjoos ou outros sintomas, devemos procurar orientação médica para o melhor tratamento.

Mas podemos evitar esses sintomas quando não estão associados à alguma doença que necessite de tratamento especial. As tonturas e enjoos são sintomas comuns de hipoglicemia, ou seja, pouco açúcar no sangue, e de excesso de bebida. Para que isso não aconteça é preciso seguir algumas orientações:

Não fique mais do que quatro horas sem se alimentar. O ideal é tomar café da manhã, almoçar e jantar, e nos intervalos dessas refeições consumir frutas, sucos naturais ou barrinhas de cereais.

Se for tomar bebidas alcoólicas, consuma com moderação. Mantenha-se hidratado, abuse de água fresca ou água de coco.

Quando esses sintomas aparecerem, vá para algum lugar fresco, sente-se, beba água, coma uma bala, uma fruta, ou algum alimento que esteja disponível no momento, de preferência sem gordura, mas rico em açúcar – que é a fonte de energia mais rápida para o organismo.

Se exagerar na bebida ainda da para curtir a festa?

É importante se alimentar antes de beber. Beber em jejum pode causar desconforto, enjoo, tontura, entre outros sintomas e situações desagradáveis como náuseas, vômitos e dores de cabeça.

Para quem abusar de bebida alcoólica, tomar soro caseiro é uma forma de tentar contornar a situação para curtir o resto do feriado. Auxilia na hidratação e fornece açúcar de fácil absorção para recuperar as energias.

É fácil de preparar e o ideal é tomar pelo menos 1 litro.

Além do soro caseiro é preciso se alimentar bem, com comidas leves como saladas, carnes brancas grelhadas, grãos integrais e frutas, e nunca se esquecer da hidratação, água é fundamental para o bom funcionamento do corpo como um todo.

Receita de Soro Caseiro:

– 1 copo de água filtrada ou fervida; – 1 colher de chá de sal; – 3 colheres de chá de açúcar.

Exemplos de lanches leves para comer antes e depois de pular o Carnaval:

O ideal é fazer as três principais refeições (café, almoço e jantar) e os lanches leves nos intervalos. Então abaixo estão algumas dicas de refeições leves para um dia todo de carnaval. Programe-se de acordo com o horário das suas festas.

Café da manhã

– Sanduíche de pão de forma integral com queijo minas e peito de peru defumado + 1 copo de suco natural de melancia;
– Salada de frutas com iogurte natural desnatado + 2 torradas integrais com requeijão light + 1 copo de suco natural de laranja;
– Vitamina de leite desnatado, banana, maçã e aveia + 3 biscoitos de água e sal com queijo minas.

Almoço ou Jantar

– Macarrão ao sugo + bife grelhado+ salada de agrião, cebola e tomate; – Batata assada + peixe grelhado+ legumes cozidos; – Arroz integral + Frango + salada de cenoura ralada, palmito e alface.

Lanches dos intervalos

– Barra de cereal; – Frutas frescas; – Sucos naturais.

Como manter a dieta no Carnaval?

Para manter a dieta em dia, é importante ficar atento à hidratação. Beba bastante água ao longo do dia, se possível fresca ou gelada, pois aumenta a absorção

O que fazer para não engordar no Carnaval?

Comer mais e em menores quantidades. Comer várias vezes ao dia pode passar a sensação de excesso. E proteja o figado.

Pode comer qualquer coisa no carnaval?

O ideal é fazer três refeições principais (café da manhã, almoço e jantar) e pequenos lanches nos intervalos.

Se gostou das dicas, veja outras aqui. E muito Axé pra você.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.